24 de fev de 2008

Juno (Juno, 2007)

O segundo longa-metragem de Jason Reitman está longe de ser uma mera comédia besteirol. Pelo contrário. É um filme maduro, uma comédia dramática profunda, difícil de se ver hoje em dia.

Na trama, Juno MacGuff (Ellen Page) é uma jovem de 16 anos que acidentalmente engravidou de Paulie Bleeker (Michael Cera), um grande amigo com quem transou apenas uma vez. Inicialmente ela decide fazer um aborto, mas ao chegar na clínica muda de idéia. Junto com sua amiga Leah (Olivia Thirlby) ela passa a procurar em jornais um casal a quem possa entregar o bebê assim que ele nascer, já que não se considera em condições de criá-lo. É assim que conhece Vanessa (Jennifer Garner) e Mark (Jason Bateman), um casal com boas condições financeiras que está disposto a bancar todas as despesas médicas de Juno, além de dar-lhe uma compensação financeira caso ela queira. Juno recusa o dinheiro para si, mas decide que Vanessa e Mark ficarão com seu filho.

O ponto mais alto do filme é o belíssimo roteiro de Diablo Cody. Ela sabe tratar assuntos polémicos da mesma forma que cria situações engraçadas. Gravidez na adolecência e aborto - temas centrais para construção da trama - são assuntos tão banais na atual sociedade que o verdadeiro desafio do filme é não ser mais uma produção banal. Temos então Jason Reitman que cria perfeitamente um ambiente leve, sabendo exatamente o que faz. Reitman tem pé no chão e não teme fazer do seu jeito, uma característica essencial para um cineasta.

Mais do que 'A adolescente que engravida', Juno (Juno, 2007) é um filme sobre escolhas. Qual delas devemos tomar diante de situações tão difíceis? É impressionante e excitante o quanto Ellen Page cativana pele da protagonista rebelde, mas a atriz não está só, vem acompanhada de um elenco classe A, mais uma vez, resultado da competência de Reitman.

COTAÇÃO: 5 estrelas

3 comentários:

  1. Parceiro me indique um filme bom para assisti final de semana.

    Desde já obrigado. =D

    ResponderExcluir
  2. Pra curtir um cineminha...

    Juno é maravilhoso.
    Os Senhores do Crime também é uma boa pedida nos filmes de máfia!

    A animação Persépolis!

    Na Natureza Selvagem de Sean Penn é maravilhoso. Emociona a qualquer um!

    Ja nas locadoras, aí a diversidade é maior...

    A animação Tá Dando Onda é perfeito.

    A comédia ligeiramente grávidos!


    Agora não passe nem perto de Maldita Sorte

    ResponderExcluir
  3. Juno é uma lindo filme, muito doce..
    Já havia visto uns filmes independentes da Diablo, uns meio pornográficos, e percebi que ela tinha o DOm, só precisava mesmo de grana pra bancar o sonho dela..

    òtimo blog.

    Um beijo de carinho..

    Cuide-se!

    ResponderExcluir

Seguidores