15 de mar de 2012

Tulipa de Ouro 2012 - Melhor Direção

DARREN ARONOFSKY / Cisne Negro 

O que esperar de Darren Aronofsky depois de sua empreitada em O Lutador? O filme mais deslocado de sua filmografia foi certamente um grande baque para quem já estava se acostumando a ver seus dramas psicológicos atraentes e sufocantes. Darren entrega um filme intenso, atraente e magistralmente bem conduzido. O filme tem um inicio que tenta preparar o espectador para o que virá a seguir, mas mesmo assim é impossível não sentir sua paz perturbada pelos sofrimentos e anseios de Nina. A técnica conhecida de Aronofsky é bem evidente. Aqui ele usa tomadas como em O lutador: mantém a câmera atrás da protagonista como se você fizesse parte daquilo, mais até, como se você fosse o próprio protagonista. E não é difícil se entregar ao filme. A elegância do balé é tão atraente, junto aos movimentos e a trilha sonora que de cara já sentimos um impacto tão agradável que é extremamente difícil colocar em palavras.


Ethan Coen & Joel Coen / Bravura Indômita
George Clooney / Tudo Pelo Poder
Lars Von Trier / Melancolia
Woody Allen / Meia-Noite Em Paris

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores